Como montar sua Reserva de Emergência

Não deixe dinheiro na poupança!
02/04/2017
Cartão de crédito: amigo ou inimigo?
25/04/2017
Exibir tudo

Como montar sua Reserva de Emergência

Antes de ser tornar um investidor, é primordial se livrar das dívidas. Esse é o primeiro passo em direção à independência financeira.

Em seguida, é preciso planejar suas despesas e receitas, montar um orçamento e abrir um espaço para conseguir poupar com regularidade.

Agora que já conseguimos juntar um dinheiro mensal para aplicar, vamos ver como empregá-lo com eficiência.

 

Evitando o endividamento

Qualquer investidor, seja ele iniciante ou experiente, precisa de uma reserva de emergência. É ela que vai te salvar em caso de um evento inesperado, em que você precise de dinheiro imediatamente.

Esse colchão financeiro te trará segurança para gerenciar, por exemplo, uma perda de emprego, batida do carro ou uma urgência doméstica. Dessa forma você não precisará se preocupar, ou recorrer à um empréstimo e pagar juros para cobrir seu problema.

Especialistas recomendam que sua reserva de emergência seja equivalente ao necessário para o seu sustento por um período de três meses a um ano. Ou seja, se o seu custo de vida mensal é de R$ 1.000,00, sua  reserva de emergência deve ser de R$ 3.000,00 a R$ 12.000,00. Você deve ponderar o risco de ser demitido por exemplo, para ajudar a decidir se a sua será para 3 ou 12 meses.

Ela deve permanecer investida em aplicações financeiras conservadoras e que possuam liquidez imediata, ou seja, que sejam fáceis de resgatar a qualquer momento. Bons exemplos são CDBs com liquidez diária ou Tesouro SELIC.

E você, já possui sua reserva de emergência? Aonde ela está aplicada? Deixe seu comentário abaixo.

Leandro Masotti
Leandro Masotti

Leandro Masotti é gaúcho e tem 31 anos.
Empresário, formado em Administração de Empresas com habilitação em Análise de Sistemas pela FSG.
Possui MBA em Gestão da Tecnologia da Informação pela UCS.
Acredita que quando se ama o que faz, não se trabalha um dia na vida.
Investidor desde adolescente, dedica seu tempo livre à educação financeira e incentivando as pessoas a investirem melhor.
Hobbies: games, viagens e vinhos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *